Os 3 Principais Hábitos/Execícios Vocais que todo cantor deve por praticar

Todos nós temos uma grande paixão em cantar, mesmo na maioria das vezes não sendo lá essas coisas todas no quesito afinação. Sejamos sinceros, alguns são menos agradáveis ​​ao ouvido do que outros.

O ponto é que há também muitos bons cantores que também sofrem com um “dia ruim”. Mesmo estes com treinamento adequado poderia muito facilmente, não só aumentar o seu nível, mas também reduzir a quantidade de esforço envolvido em soar grande.

Por isso, falaremos aqui sobre OS 3 PRINCIPAIS HÁBITOS/EXERCÍCIO VOCAIS QUE TODO CANTOR DEVE POR EM PRÁTICA

Se você já se considerou um cantor “menos talentoso” do que alguns, não tenha medo! Continue lendo e você será garantido para beneficiar grandemente do que você está prestes a aprender. Você está interessado em melhorar sua voz cantando? Então vejas as técnicas que separamos…

#1 – Tenha Postura

A postura é de grande importância para alinhar suas partes do corpo e prepará-los para apoiar o seu som, eliminando a tensão. Tensão não só faz você se sentir desconfortável e afeta seu humor, mas pode muito restringir o fluxo de ar.

Um bom exercício é encontrar uma parede e ficar de costas para ele. Coloque a cabeça na parede para que o queixo esteja paralelo ao chão. Abra seus ombros e role-os de volta para a parede.

Sem permitir que sua espinha toque, mova lentamente suas costas para a parede para endireitar. Braços para os lados. Pés largura dos ombros, encontrar o seu equilíbrio.

Tente relaxar. A única tensão que você criar deve estar em seus músculos abdominais que estão apoiando o seu canto. É mais eficaz se você fizer isso na frente de um espelho. Isso pode especialmente ajudá-lo a visualizar sua postura depois de ver e sentir a postura correta.

#2 – Exercite o seu “tambor” muscular (Diafragma, pulmões e cavida torácica)

É absolutamente essencial para a técnica de canto adequado que você entenda como o diafragma, pulmões e cavidade torácica afetam seu canto. Pense nestes três combinados como formando um tambor. Um tambor que está sintonizado suavemente.

A ideia é expandir sua caixa torácica, flexionando os músculos que puxam suas costelas para dentro e para fora. Efetivamente apertando esse “tambor”. Isso resultará em melhores tons em sua voz, bem como aumentar a sua capacidade pulmonar, permitindo que você tome menos respira entre versos, resultando em melhor controle.

# 3 – Domine a  sua Respiração

Aprender e dominar a respiração adequada é uma das chaves para melhorar instantaneamente a sua capacidade de cantar.

Tente segurar a respiração e cantar ou até mesmo falar.

Você entendeu o ponto? Claramente o ar é um componente importante para cantar. Ao cantar uma melodia, as palavras são expressas de forma muito diferente do que se você fosse simplesmente recitar as frases em voz alta. O volume, o tom, o tom e o tempo podem fazer você ficar ofegante por ar antes que você perceba.

DICA BÔNUS ; )

Pratique, pratique e pratique!

Torne esses exercícios um hábito diário na sua vida. Veja depois o quanto isso mudará na sua form a de cantar.

Caso você seja um cantor aplicado e bem preocupado, sugiro que faça um treinamento de técnicas vocais mais aprofundado ou um curso de canto online para desenvolver melhor a sua voz.

Espero que estas dicas tenham sido úteis para você.

Um grande Abraço!

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *